25 julho 2013

Galo de Minas, do Brasil, da América


Sorria, Galo.

Se você precisou reescrever 105 anos de história em 6 meses, você conseguiu. Se você teve que esperar 42 anos para ser novamente protagonista, você foi recompensado.

Sorria, Cuca.

Agora, todos os argumentos contra a sua competência vão-se embora, não voltam, se perdem. Um cara como você nunca será azarado.

Sorria, atleticano.

Vá ao bar que só vende fiado "quando o Atlético ganhar a Libertadores", beba e só pague quando o Galo ganhar o Mundial. A dívida não vai durar muito tempo.

Comemore o anunciado final feliz de uma das mais belas histórias já escritas por um clube. Vibre o fim de um jejum, de uma obsessão, de um tormento. Celebre o novo rei no trono da América.

Sorria, Brasil.

Você será representado no Marrocos pela sua excelência em nosso futebol.

Sorria, Roberto Drummond.

A camisa preta e branca estava no varal diante da tempestade e o Galo venceu o vento.

Você não está mais entre nós, e aposto que os deuses do futebol lhe deram carta branca aí em cima pra escrever este roteiro.

Pois é, você o fez da forma mais linda e gargalhou de mim quando eu já buscava me conformar com um fim melancólico para esta jornada e preparava meu texto mais angustiante. Agora faça sua crônica aí no céu e emocione os atleticanos em sua volta.

Acordei do pesadelo, lembrei de quando disse que se Victor pegasse o pênalti contra o Tijuana, o título viria e do quanto bati no chão igual um louco comemorando o gol de Guilherme. Percebi então a impossibilidade justa, física e matemática daquilo tudo ser em vão.

O final desta epopeia demorou a chegar. Chegou, da forma mais esplendorosa, e o atleticano chora aliviado, feliz, pois escolheu viver o caminho mais difícil, porém o mais cativante.

Você, Atlético, levou contigo os que viam de fora e os fez viverem juntos, contagiados, como se fossem da Massa.

Hoje a América acorda ouvindo o Galo cantar. E ele canta saciado, orgulhoso, pois viu o destino corrigir o erro que havia em sua história.

O atleticano, arranhado emocionalmente, com as marcas da batalha, ainda pensa estar sonhando com a quebra de todos os prognósticos que contestassem a grandeza de seu time.

E enquanto a ficha não cai, eu vos adianto:

Parabéns, Galo. A América agora é sua.

@_LeoLealC

13 comentários:

  1. Como atleticana, estava ansiosa para ler o seu texto sobre a final. Leo, agora vc é da Massa!
    FELICIDADE ABSOLUTA pelo título do Galo.

    ResponderExcluir
  2. Perfeito! LIndo! Expectativas atendidas pelo seu texto! Muito obrigada! Nós atleticanos estamos demasiadamente felizes e emocionados com essa vitória, com essa trajetória. VALEU LEO!!!

    ResponderExcluir
  3. Legitima nossa taça,disseram que compramos!!! Como assim ;comprar uma bola na trave,um escorregão do jogador do time adversário neste tapete ,defesas do goleiro Silva inacreditáveis ,uma ,duas ou três !! Não ganhamos no planejamento,quando compramos um terreno ao redor da grande BH e fizemos se não o melhor um dos melhores centros de treinamentos,elegemos um presidente louco torcedor,que trouxe um técnico com fama de pé frio(azarado),ai vieram por troca Pierre por Daniel Carvalho,dois zagueiros Rever e Léo (este para torcida adversária já ultrapassado),dentro da casa fizemos dois grandes Marcos Rocha e Bernard,Tardelli esse tem a cara do atlético depois de tantos outros abraça a massa,Jô baladeiro vai dar em nada ,Victor goleiro que amarela em decisões enfim Ronaldinho renegado time de renegados..mostramos que quando se acredita em trabalho e temos fé ,trabalhamos em equipe podemos ser muito e muito...EU ACREDITO E SEMPRE TENHO FÉ..

    ResponderExcluir
  4. sempre me emociono com seus textos!!!
    somente nos torcedores sabemos o que estamos sentindo.. cheguei a uma conclusão ontem quando ainda estava no palco do Mineirão.. enquanto ainda gritava o grito de é campeão.... sabe por que somos diferentes?? porque não torcemos para o galo... vivemos o galo.
    vinicius batista

    ResponderExcluir
  5. Vc ainda não sabe, mas vc foi contaminado e isto será para sempre! O sangue atleticano foi transfusado para suas veias. Seu coração irá palpitar mais forte toda vez que ver o Atlético em campo, toda vez que ver a Massa atleticana cantando. E o grito de EU A-CRE-DI-TO ecoará em seus ouvidos!
    Parabéns!!!! Seus textos foram perfeitos! Bem vindo ao universo paralelo atleticano!!!!

    ResponderExcluir
  6. vc sempre arrasa nos textos, obrigada por torcer por nós e acreditar como a gente que esse título ia ser nosso .. Valeu pelos textos maravilhosos e emocionantes !
    #AquiéGalo #Libertadores2013éNossa

    ResponderExcluir
  7. Bacana demais, é engraçado porque eu não me vejo torcendo para outro clube senão para o galo, você meu chapa conseguiu definir em poucas palavras tudo o que eu sinto pelo galo, detalhe você é flamenguista! Parabéns.

    ResponderExcluir
  8. camarada... seu texto é a tradução do que a MASSA passou em 105 anos de historia .
    O que na verdade teve maior valor é saber que pessoas que tem por escolha times diferentes podem sim elogiar outra equipe sem ter qualquer pre-conceito e nao misturar as coisas para o lado de brigas ou ofensas.

    Parabéns duplamente....ao GALO e a vc pela sabedoria e dom de escrever.
    Drummond realmente deve ter recebido uma licença para descer e ver de perto a maior historia de luta dos ultimos anos de uma equipe.

    pode virar filme que vai lotar salas por todo o mundo...
    pode virar palestra motivacional
    e pode virar apenas uma memoria na historia do futebol mundial

    Saudações alvinegras

    ResponderExcluir
  9. Eu estava dando F5 na sua página desde hoje de manhã aguardando as suas belas palavras sobre um final feliz e emocionante para esse torcedor apaixonado! O que senti ontem, o que todos sentimos, não será nunca explicado, somente compreendido por aqueles que têm a honra de torcer pelo atlético, ou apaixonados por futebol, que conseguem analisar com sensibilidade um momento desse, como é o seu caso. Eu vi o meu pai realizando um sonho, vi vários gols acontecendo nos últimos minutos ao longo dessa campanha do Galo... vi várias defesas milagrosas do Victor... vi estádio se apagando, adversário escorregando cara a cara com o gol... vi jogadores em campo machucados, sangrando, vencendo seu próprio limite físico! Vi um dos maiores craques do mundo tomar o microfone da jornalista para agradecer à torcida. Eu vivi um dos maiores momentos de fé da minha vida, em que acreditei ao lado de milhares de torcedores, ainda quando tudo parecia dar errado, até o último segundo. Gritávamos "eu acredito" ainda que já sem voz, ainda que tudo parecesse perdido, porque algo lá no fundo nos dizia que a taça era nossa! E senti a mão de Deus em cada jogo que parecia dizer "não, esse título TEM que ser do Galo!"
    Parabéns, mais uma vez, pelo texto! Me tornei uma grande frequentadora do seu blog, pois pessoas talentosas como vc precisam de incentivo para que cada vez mais pessoas conheçam o seu trabalho! Saudações atleticanas!

    ResponderExcluir
  10. Mais uma vez, excelente texto, grande abraço!

    ResponderExcluir
  11. Você é fera! Parabéns pelos textos!

    ResponderExcluir
  12. Acabei de conhecer seu blog e tô arrepiada!!! Sou apaixonada pelo GALO, tenho mt orgulho de vestir essa bandeira e vc falou disso como poucos! Obrigada e saudações alvinegras!

    ResponderExcluir
  13. Parabéns, pelo lindo texto, infelizmente conhece seu blog hoje, mas me emocionei muito ate choreii!! muito lindo #que venha a Copa do Brasil! #Eu_Acredito!

    ResponderExcluir